quarta-feira, 23 de abril de 2014

Pedro Corrêa é autorizado a trabalhar em Clinica de Garanhuns

O ex-deputado federal Pedro Corrêa, 67 anos, preso no Centro de Ressocialização do Agreste, em Canhotinho, vai poder trabalhar como médico radiologista na Clinical Armando Queiroz Monteiro, entidade ligada ao Prefeito de Garanhuns, Izaías Régis (PTB).

O expediente prestado pelo Ex-parlamentar, envolvido no caso do mensalão, será de segunda a sexta-feira, das 8h30mim às 17h30mim, e nos sábados, das 8 às 12h. 

A decisão foi tomada na tarde desta quarta-feira pelo juiz titular da 1ª Vara de Execuções Penais, Luiz Rocha. Pedro Corrêa vai receber três salários mínimos mais comissão por produtividade. O trabalho começa assim que forem tomadas as medidas legais entre a direção do Presídio e a gestão da Clínica.

Apesar da autorização para prestar o serviço, o Juiz negou o pedido do réu para trabalhar sem tornozeleira. O ex-deputado alegou constrangimento, mas o magistrado argumenta que o monitoramento é para qualquer detento em regime semiaberto e não há exceções. Luiz Rocha também negou o pedido de Pedro Corrêa para fazer um curso superior em Administração Hospitalar. Ele argumentou que se o preso estudar e trabalhar vai transformar o Centro de Ressocialização apenas em dormitório, já que ficará o dia inteiro fora. 

(Com informações do Diário de Pernambuco)

Fonte: Via - http://www.blogdocarloseugenio.blogspot.com.br/